Um fã postou no MansonUsa uma notícia em que o Manson revela dois nomes de músicas em uma entrevista para a revista Revolver Magazine de Fevereiro de 2009.
Os nomes revelados foram: I Wanna Kill You Like They Do in the Movies e Armagoddamnmotherfuckinggeddon. Na qual o Manson diz: "não tem chances na terra de Deus de irem para o rádio."

Os scans podem ser vistos aqui e aqui


Update: Entrevista transcrita e traduzida!

Marilyn Manson diz que o próximo álbum de sua banda que ele fez com Twiggy Ramirez desde 2002 limparam o chão com tudo que fizeram antes. O frontman promete seriedade sobre encarar o contemplativo e cheio de sintetizadores Eat Me, Drink Me de 2007, usando solos de guitarra e gritos incessantes. "Eu não me considero mau, mas quando as pessoas escutarem isso, elas irão escutar um senso malvado como Johnny Cash no seu melhor e mais obscuro." Em adição de Ramirez, antigos colaboradores, Chris Vrenna e Sean Beavan fazem parte do elenco, que também tem a participação de "uma multidão de meninas-bruxas e alguns acústicos pantanosos que podem soar como quando eu morava em New Orleans".

Dentre os títulos provisórios, estão: "I Wanna Kill You Like They Do in the Movies" e "Armagoddamnmotherfuckinggeddon". Na qual Manson admite que não há chance na terra de Deus de irem para o rádio. "De qualquer maneira eu tenho meu ânimo de volta", ele diz, "Esse disco tem me impulsionado a novos extremos, eu mesmo fiz algo responsável e inscrevi pra votar"

Revolver: Eat Me, Drink Me revelou um lado mais vulnerável da pessoa MM.

MM: E de forma alguma foi um movimento calculado. Eu suponho que no passado eu tirei a partir da minha experiência, ou o que eu pensei aconteceu na minha vida e me separou entre narrativas ou metáforas. Com o Eat Me, Drink Me eu comecei escrevendo de um modo diferente; O melhor exemplo é If I Was Your Vampire, que foi escrita às 6 horas da manhã do Natal. Eu escrevi, chamei o engenheiro e disse que queria cantar. Eu não tive tempo de olhar pra trás e adivinhar qualquer decisão que eu tenha tomado.

Revolver: Esse álbum reflete uma mentalidade diferente?

MM: Eu me senti machucado pela minha ex-mulher e agora eu tenho mais proximidade com ela, sinto que somos amigos de novo. Percebo que coloco muitas pessoas perto de mim através das coisas que eu não saberia como lidar. Agora eu sei como eles estavam se sentindo e estavam confusos. De que forma eles supõe para reagir a alguém dizendo "nem eu tenho a determinação de me matar". Esse é um período que eu não quero mais me deixar voltar. Eu nem consigo me identificar com a pessoa que eu fui por sete meses, mas eu estou feliz que fiz aquele CD. Eu não estava pronto, em seguida, para fazer o CD que eu e Twiggy fizemos.

Revolver: Como está sua relação com o Twiggy desde a última vez que vocês trabalharam juntos?

MM: Nós não ficamos juntos como amigos por um tempo, e eu acho que ambos preencheram o vazio com diferentes relacionamentos. Twiggy cresceu como músico e como guitarrista. Ele tocou todos os intrumentos de corda e ocasionalmente teclado no CD. Eu toquei guitarra em uma música e me gravei cheirando "linhas" de algo qualquer que talvez seja como um instrumento de percurssão.

Revolver: Como comparar a música nova com o Antichrist Svperstar?

MM: Tem um "quê" de vingança e um "quê" de retribuição de várias coisas que sintam-se bíblicas de um modo que não são. É bem caótico, mas nós temos aproveitado. Eu fiz vários amigos. Veja que isso ainda é o Manson-louco, mas também o Manson-louco que te faz rir.

Revolver: Sobre o quê você está cantando?

MM: Algumas coisas que eu digo, são as letras que eu tenho tido mais orgulho na minha vida inteira. Algumas das coisas são declarações de relacionamentos destruídos. Algo disso são coisas que eu deveria ter dito à minha ex-mulher. Algumas são coisas que eu nunca tinha dito ao mundo. Estou bem animado com isso. Algumas pessoas vão ter colapsos nervosos quando escutarem. Eu sempre digo isso com o CD novo, mas esse é durão.

Revolver: Durão?

MM: Isso é o que eu gosto de dizer aos pais das garotas que namoro: "Senhor, vou ser durão com sua filha esta noite."

Chris Vrenna foi entrevistado por James Bernard no site Propellerheads. Chris menciona que já está com a banda há 4 anos: Um ano como baterista e agora como tecladista ao vivo. E que agora está em estúdio trabalhando no novo álbum fazendo a produção e programação.
Também fala sobre como usa o teclado nos shows do Manson, entre outras coisas.

Veja o vídeo abaixo:


Fonte: Propellerheads.se

Há alguns rumores de que Manson participe do Mayhem Festival 2009, que acontece nesse verão.

A única coisa que as produtoras revelaram, é que o festival do ano que vem será um dos maiores e melhores que já aconteceram.


Fonte: TheGauntlet.com

Manson irá exibir algumas de suas pinturas em uma exposição na galeria Brigitte Schenk, em Miami.

A exibição vai do dia 4 ao dia 7 de Dezembro.

A notícia completa pode ser lida aqui.

O Scream Awards 2008 vai ser transmitido pela TNT no dia 31/10, Sexta-Feira, às 22:00h. A reprise vai ao ar dia 02/11, Domingo, às 00:30h.

Fonte: TNTLA

E mais sobre Twiggy e Manson no Scream: Assista abaixo um vídeo dos dois no tapete vermelho

página: 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15 | 16 | 17 | 18 | 19 | 20 | 21 | 22 | 23 | 24 | 25 | 26 | 27 | 28 | 29 | 30 | 31 | 32 | 33 | 34 | 35 | 36 | 37 | 38 | 39 | 40 | 41 | 42 | 43 | 44 | 45 | 46 | 47 | 48 | 49 | 50 | 51 | 52 | 53 | 54 | 55 | 56 | 57 | 58 | 59 | 60 | 61 | 62 | 63 | 64 | 65 | 66 | 67 | 68 | 69 | 70 | 71 | 72 | 73 | 74 | 75 | 76 | 77 | 78 | 79 | 80 | 81 | 82 | 83 | 84 | 85 | 86 | 87 | 88 | 89 | 90 | 91 | 92 | 93 | 94 | 95 | 96 | 97 | 98 | 99 | 100 | 101 | 102 | 103 | 104 | 105 | 106 | 107 | 108 | 109 | 110 | 111 | 112 | 113 | 114 | 115 | 116 | 117 | 118 | 119 | 120 | 121 | 122 | 123 | 124 | 125 | 126 | 127 | 128 | 129 | 130 | 131 | 132 | 133 | 134 | 135 | 136 | 137 | 138 | 139 | 140 | 141 | 142 | 143 | 144 | 145 | 146 | 147 | 148 | 149 | 150 | 151 | 152 | 153 | 154 | 155 | 156 | 157 | 158 | 159 | 160 | 161 | 162 | 163 | 164 | 165 | 166 | 167 | 168 | 169 | 170 | 171 | 172 | 173 | 174 | 175 | 176 | 177 | 178 | 179 | 180 | 181 | 182 | 183 | 184 | 185 | 186 | 187 | 188 | 189 | 190 | 191 | 192 | 193 | 194 | 195 | 196 | 197 | 198 | 199 | 200 | 201 | 202 | 203 | 204 | 205 | 206 | 207 | 208 | 209 | 210 | 211 | 212 | 213 | 214 | 215 | 216 | 217 | 218 | 219 | 220 | 221 | 222 | 223 | 224 | 225 | 226 | 227 | 228 | 229 | 230 | 231 | 232 | 233 | 234 | 235 | 236 | 237 | 238 | 239 | 240 | 241 | 242 | 243 | 244 | 245 | 246 | 247 | 248 | 249 | 250 | 251 | 252 | 253 | 254 | 255 | 256 | 257 | 258 | 259 | 260 | 261 | 262 | 263 | 264 | 265 | 266 | 267 | 268 | 269 | 270 | 271 | 272 | 273 | 274 | 275 | 276 |









10.01 @ Van Buren
12.01 @ House of Blues
13.01 @ House of Blues
16.01 @ Fox Theatre
19.01 @ The Complex
20.01 @ Fillmore
23.01 @ Aztec Theatre
24.01 @ House of Blues
26.01 @ Shrine Mosque
27.01 @ Brady Theatre
[ ver mais ]

KILL4MESAY10We Know Where You Fucking LiveMarilyn Manson - Prêmio de Ícone pela Alternative Press (2016) Third Day of a Seven Day BingeThe Mephistopheles of Los Angeles


ver +

facebook.com/marilynmanson
marilynmanson.com
twitter.com/marilynmanson


2008 - 2017 ® Marilyn Manson Brasil | Todos os Direitos Reservados